Análise macroambiental

Publicado: 08/05/2009 em MARKETING
Tags:, , , ,

O velho chefe de uma tribo havia morrido e seu filho assumiu o comando após os rituais funerários.

O outono chegava à metade e a tribo questionou o chefe a respeito do próximo inverno. O novo chefe era um índio modernizado, alfabetizado na língua do homem branco, mas completamente esquecido dos hábitos e tradições dos seus antepassados. Inclusive o de ler a natureza e entender os seus sinais. Por isso, a resposta era sempre “ainda não sei.”

Mas o grande chefe não pode ter dúvidas. Assim, foi até a cidade mais próxima e ligou de um telefone público para o serviço de meteorologia e perguntou ao meteorologista de plantão: “Esse inverno será rigoroso?” A resposta foi “Sim, esse será um inverno rigoroso.”

Então, o chefe chega confiante à sua aldeia e pede aos seus comandados que façam um bom estoque de lenha, pois aquele inverno prometia.

Não satisfeito, o chefe torna a ligar ao serviço de meteorologia e faz a mesma pergunta, que recebe a mesma resposta. Ele volta à aldeia e manda que os índios cortem algumas árvores a mais, só para garantir.

Mas, como todo novo chefe, ele era um pouco inseguro e ligou novamente ao serviço meteorológico, fazendo a mesma pergunta. “Sim”, respondeu categoricamente o funcionário. “O inverno será bastante rigoroso.”

O chefe volta à tribo e ordena a todos os índios que cortem mais árvores, que não desprezem nem o menor graveto, pois o inverno será o pior de todos os tempos.

Satisfeito com a sua decisão, o chefe fica mais confiante e volta para a sua oca para descansar.

Após uma boa noite de sono, o chefe volta à cidade e liga para o serviço de meteorologia, só para desencargo de consciência.

“Escuta”, pergunta o chefe, “o inverno será rigoroso mesmo?”

“Sim. Esse, pelo jeito, será o pior inverno dos últimos 30 anos.” responde o meteorologista.

“Mas me diga uma coisa, como é que vocês têm tanta certeza disso?” insiste o chefe.

“Temos certeza absoluta, senhor. Nunca vimos os índios fazerem estoques tão grandes de lenha…”

 

(Surrupiado da coluna do Salomão Schwartzman, Band News FM)

comentários
  1. Bom… acho que não preciso dizer nada sobre este texto neh.
    Muito bom professor, conheço uma india que quase ligou pro serviço de meteorologia, mas ouviu os conselhos do pagé rsrsrsrs.

    Bjos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s