Burguesinho

Publicado: 02/11/2010 em BRAINSTORM
Tags:

Não vou mentir: torci pelo Serra. Todo mundo sabe. Mas, quem me conhece, sabe que torci por falta de opção mesmo. Ele não era, nem nunca foi meu candidato. Menos ainda a Dilma.

Mas, como em jogo de futebol, tem gente que torce pra quem ganhou, tem gente que torce pra quem perdeu. E, como nem tudo é perfeito nessa vida, além de não ganhar no último sorteio da Megasena, meu candidato perdeu também. Ema-ema e, como disse o Alemão, “vamo que vamo, agora que não tem jeito, Dilma eu te amo”.

Eu sei perder, juro! Não gosto, mas sei. Fui criado para sempre lutar e continuar lutando até ganhar, mas dessa vez, não dependia de mim. Mas, uma coisa que aprendi desde os meus primeiros passos nas Artes-Marciais, pior que quem não sabe perder, é quem não sabe ganhar. Sempre ouvi dos meus professores e mestres que mais importante que ganhar é saber ser humilde na vitória.

Ontem, todos os petistas que me seguem no Twitter foram superelegantes e comemoraram na deles. Até um certo momento. Uma dessas pessoas que me segue resolveu dar uma tripudiada. Claro! Eu sabia que não ia ficar barato toda aquela campanha anti-Dilma. O meu amigo Che Guevara da indústria do tabaco, o Vinícius, ficou na dele comigo (a não ser naquela vez que eu mexi com o Lulla, mas foi light assim mesmo). Mas a outra pessoa já estava na espera.

Do nada, pipocou o seguinte tweet na timeline:

“Ei se ferro hennn, Vai ter que engolir a dilminha hahahaaha Burguesinho”

Bom, pelo náipe do palavreado, já dá pra sacar muita coisa. Enfim, comedidamente respondi que sentia muito por ela, blá-blá-blá e que duvidava (na verdade, tinha certeza no momento) que sabia o significado de burguês. A pessoa me responde:

“ahhh não mete essa vai, #13neles, esse país precisa de uma mulher no poder, sei sim o que é um burguês You are.”

Bom, nessa eu já tinha sacado que a pessoa tava a fim de trollar mesmo. Assim, já respondi de maneira a encerrar o papo:

“vc só piora a situação c/ discursos vazios e inconsistentes. Vc nem sabe direito pq votou nela. Daqui a 10 anos…” “Qdo vc amadurecer, a gente volta a conversar sobre política. Por enquanto, a gente fica só na amizade e frivolidades, ok!?”

Aí pensei, “acho que agora sossega e me deixa em paz”. Ledo engano:

“Ahhh não tem argumento vai burguesinho, Dilma na cabeça ahhahaa”

Numa retrospectiva das nossas conversas, me lembrei das inúmeras vezes em que a pessoa me chamava de burguesinho, dizendo que eu não entendia das coisas e que só quem não é burguês sabe. Por isso, mandei:

“E qual é o seu argumento mesmo?”

Tá certo, tá certo! Eu deveria ter parado, mas uma curiosidade mórbida tomou conta de mim. Eu precisava entender o porquê de tanta raiva de um conceito que não era usado pejorativamente desde a queda do Muro de Berlin (a não ser pelo PSTU, claro). Eu esperei (inocentemente, confesso) que viesse uma resposta mais consistente. Mas…

“Não viaja, entendo e mto de politica e sei q Dilma é a melhor escolha pro brasil, vcs burguesinhos q n entendem nd #13neles”

Então, percebi. A pessoa não tinha argumentos, pois não fazia a menor ideia dos argumentos do partido que apoiava. Não sei se porque nunca procurou saber, se não sabia mesmo ou se porque apoia por ter assistido Diários de Motocicleta e achar Che Guevara um gato, apesar de morto. Então, me lembrei de uma técnica em que a gente provoca o oponente para que ele dê tudo de si. Talvez, enfim, eu teria a resposta:

“Por enquanto, só ouvi falácias infantis sem sentido. Cadê o argumento, XXXXXXXXX? Ou vc é tão vazia qto seu partido?”

Uma coisa que eu me esqueci de mencionar sobre essa técnica é que ela é mais usada para deixar o oponente cego de raiva e atacar com raiva e o ataque geralmente vem de qualquer jeito. Assim, com calma e com técnica, usamos isso em nosso favor. Mas, nas outras vezes, o que costuma acontecer, é o adversário mostrar o que realmente sabe, com muita raiva. Enfim, aconteceu a primeira:

“Não não, vc que é tão vazio quanto seu partido e os ideais de burguês que ele tem”

Bom, deu certo. Acabei descobrindo que essa pessoa não sabia mesmo o porquê de ter votado em quem votou. E o pior: talvez tenha votado por um ódio que nem entenda.

Eu fiquei pensando na quantidade de vezes em que usou o termo burguês contra mim como se fosse a pior das maldições que se pode desejar a um ser vivo. Tipo Avada Kevadra, do Harry Potter.

“Por que é tão ruim ser burguês?”, eu me perguntei.

Uma vez, a mesma pessoa me chamou de playboy. Eu fiquei meio ofendido com isso, confesso. Meus pais são de origem humilde (a família do meu pai passou fome na Europa durante a II Guerra e, quando fugiram para cá, passaram fome também) e batalharam duro para dar a mim e à minha irmã uma boa educação. Trabalhei durante o dia e estudei Publicidade à noite e me formei. Continuei trabalhando, sempre buscando lugares mais altos e construí um patrimônio. Não é nada vultuoso, mas o apê é meu e o carro também. Consegui tudo isso graças ao meu suor, sem roubar ninguém, nem passar a perna nos outros. Enfim, honrei os esforços dos meus pais e o sobrenome que me deram.

Durante toda a minha vida, conheci gente que, como eu, conseguiu conquistar as coisas em suas vidas. Conheci também algumas que não conseguiram. Dessas, algumas continuam tentando, outras desistiram e se revoltaram logo no começo de suas lutas. E sabe o que eu descobri? Que para essas últimas, eu sou burguês. O que mais me entristece nisso tudo, não é o fato de ser amaldiçoado com as palavras mágicas erradas. O que me entristece é que essa nova e jovem classe C, em vez de correr atrás daquilo que outros têm porque trabalharam duro para ter, preferem amaldiçoar àqueles que têm.

Assim, eu deixo de ser um exemplo aos meus alunos e passo a ser um estorvo na sua utopia, alguém que está dificultando a vida deles, já que eu tenho algo que eles, por não terem, também não querem.

Desculpem o desabafo. Voltamos à programação normal.

comentários
  1. otavio disse:

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    E EU SO AQUI VENDO VCS DISCUTIREM POR CAUSA DE DLMA ELA VAI TE DA DE COME ? KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK POR MIM ELA PODE IR PRO INFERNO

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s